17 de maio de 2010


Não há nada pior que o sentimento de ciúme, e pior ainda de inveja! Não consigo tirar da minha cabeça tudo o que já vi e ouvi, e por mais que peçam e tentem e me metam na cabeça que eu não tenho razões para isso, até talvez não tenha, mas isso só vou descobrir mais tarde, agora tou consumida. Por isso peço-te, a ti e a todos, que me deixem no meu cantinho com as minhas ideias, que erradas ou não podem mudar muita coisa, inclusive a nossa relação que não quero nada que se danifique… por isso é que afirmo que o motivo da minha tristeza vem de muita coisa, e o que se passou foi apenas a “gota de agua”, foi o click para eu entrar numa e ficar vidrada em algo, peço perdão porque sei que estou a ser extremamente exagerada, mas não consigo conter o meu exagero, talvez seja errado amar assim, talvez seja errado ter começado algo que parece ter o fim cada vez mais próximo, talvez eu tenha errado estes últimos meses todos os dias, só não erro em dizer que te amo … mas tou com tantas dúvidas, do que tu realmente sentes, e do que os outros sentem por ti! Não quero andar todos os dias desde o amanhecer ate ao anoitecer com a ideia que te posso perder a qualquer momento no pensamento, não quero ter duvidas sobre ti, quero ter certezas, quero que me dês as certezas que eu preciso para que eu saiba que és meu e só meu, e não quero meias-amizades metidas no meio! A amizade é uma coisa, o amor é outra totalmente diferente… Nunca deixei nem nunca vou deixar que algum amigo/a meu te falte ao respeito, primeiro estás tu… Quero sentir que contigo também estou primeiro, e se pensam que sou egoísta pois que pensem, prefiro que pensem que o sou e que eu me sinta bem que o contrario… Enquanto eu não me sentir assim nada vai dar certo! Decidir se alguém é esse mesmo alguém é difícil, eu sei, mas mais difícil ainda é tentar esquecer esse alguém, que á partida já sabemos que é o tal.
Os sentimentos por vezes são confusos, quem me der não os sentir (ás vezes), e os impulsos ainda piores, impulsos terríveis, sentimentos torpes e violentos, tal qual como tou a sentir agora. Tão difícil de os conter e tão fácil de os sentir .. Mas nunca consigo, nem quero, ter raiva de ti és o único que não tem culpa de nada, eu sei que não, mas a mesma não me peças que fique feliz ao teu lado, não consigo! Infelizmente estou a dar conta que o ser humano só da o devido valor a alguém quando o perde, espero que isso não aconteça contigo… Não consigo fazer que sou algo que realmente não sou, para mim a sinceridade está acima de qualquer coisa, por isso estou a ser totalmente sincera contigo: assim não consigo! Eu não quero errar mas também não quero que erres, ou que os outros errem por ti! Mais uma vez repito eu sei que a culpa a maior parte das vezes ate não e tua, mas tu também não ajudas a resolver a situação, o orgulho destrói tudo, eu sei bem disso. Quanto mais fico triste também mais te amo, cada vez te quero só para mim, não te vou dividir com ninguém, mas também não te vou proibir de nada! Se não tiveres que fazer algo isso virá de ti e não me de mim, eu nunca vou abrir a boca para uma coisa que ache que estás a fazer mal, só se interferir directamente na nossa relação, porque senão vou-me manter calada! Até pode ser errado sentir para dentro, mas eu sou assim, e assim ficarei…

1 comentário:

Carina disse...

Errar é humano e todos nos erramos, só acho que não devemos ter medo de errar nem deixar de fazer nada a pensar que vamos fazer uma asneira! Acho que nos devemos deixar levar! A vida e só uma, e se fizer-mos uma má opção vamos dar por isso. E viver a so tendo em conta o que os outros irao pensar de nos, acho que isso nao e vida! Temos de fazer as nossas proprias escolhas! Se ama-mos alguem eu penso que devemos parar e pensar no que fazer, e decerteza que tomaremos a melhor opçao para nos!
Tao lindos os textos!
Love you*